Brasília,
Home » Destaque » Coreia do Norte declara que não vai desistir de suas armas nucleares de jeito nenhum

Coreia do Norte declara que não vai desistir de suas armas nucleares de jeito nenhum

Publicado por: Redação Irã News
Autor:
Publicada em 11/06/2017 às 20:19
Share Button
Foto:
© REUTERS/ KCNA
De acordo com um representante do Comitê da Coreia do Norte para defesa da paz na região da Ásia-Pacífico, a política dos EUA em relação à Coreia do Norte é “suicida e insana” e Pyongyang nunca vai desistir de suas armas nucleares por autodefesa.
O jornal russo Vzglyad publicou uma matéria sobre o assunto.

Um representante da Coreia do Norte descreveu a política dos Estados Unidos como a principal razão do agravamento da situação na península Coreana. Segundo ele, os EUA complicaram muito a situação no mar do Japão (também conhecido como o mar do Leste) com o envio de dois grupos de suas forças aéreas para realização de exercícios na região em questão. Além disso, Washington possui no mar do Japão um submarino de propulsão nuclear e o bombardeiro B-52.

“Ninguém nunca poderá forçar Pyongyang a entregar suas armas nucleares, desenvolvidas por ele”, disse um representante norte-coreano, acrescentando que a política dos EUA é “hipócrita e tem fins vantajosos apenas para os EUA”, bem como que alveja transformar países fracos em fantoches.

A Coreia do Norte destaca que a política dos EUA poderia levar a um conflito nuclear, descrevendo-a como “insana e suicida”.

Nos últimos meses, a Coreia do Norte realizou uma série de testes de mísseis, que foram declarados por Pyongyang como bem-sucedidos. Durante um dos testes, um míssil alcançou a zona econômica exclusiva do Japão e caiu no mar.

Tóquio, Washington e Seul condenaram os testes de mísseis norte-coreanos. O Ministério das Relações Exteriores da Rússia também expressou sua preocupação quanto aos lançamentos de mísseis norte-coreanos.

Mas a comunidade internacional opina que a Coreia do Norte provavelmente não vá realizar mais testes nucleares pelo menos por enquanto.

 Sputnik

Comments

comments

ESPORTE

COLUNISTAS

VIDEOS